Marketing de conteúdo para e-commerce: qual a importância?

Publicado 26/01/2021

O marketing de conteúdo para e-commerce é um poderoso aliado para as páginas de vendas de produtos ou serviços. É por meio de títulos, descrições de produtos e imagens que essa estratégia torna possível a captação de novos clientes, passando credibilidade mantendo um bom posicionamento nos mecanismos de busca.

No entanto, a disponibilização dos conteúdos a respeito dos produtos é uma das principais dificuldades na gestão do e-commerce. Nem sempre a marca tem à sua disposição uma equipe preparada para suprir essa demanda e investir em ferramentas de otimização e auditoria, deixando essa estratégia muitas vezes de lado.

Para entender melhor a importância do marketing de conteúdo para e-commerce e garantir que bons resultados sejam alcançados em sua loja virtual, continue a leitura do post conosco!

Por que o marketing de conteúdo é importante?

O marketing de conteúdo é o planejamento estratégico envolvido na produção de conteúdo relevante e que seja direcionado para uma audiência qualificada, ou seja, o público-alvo. Composto por etapas de distribuição para esse conteúdo, o marketing ainda permite ampliar o alcance de materiais elaborados. 

Dessa forma, o conteúdo é convertido em mais visitas à página do e-commerce aumentando as possibilidades de venda. O cliente em potencial fará o reconhecimento da marca e, ao longo do tempo, ela será uma referência no campo de atuação.

Assim, diante da necessidade por seus produtos ou serviços, a marca estará nas lembranças do cliente. O marketing de conteúdo ainda possibilita conhecer melhor o público, facilitando a elaboração de estratégias personalizadas para gerar impacto sobre ele. Outras razões que tornam o marketing de conteúdo relevante, são:

  • Gerar ou promover reconhecimento;
  • Incentivar lealdade do consumidor à empresa;
  • Atrair e possibilitar a interação com leads qualificados;
  • Educar, informar e entreter potenciais clientes;
  • Criar um relacionamento que engaja seus clientes;
  • Investir em uma forma de marketing mais acessível.

Criar um conteúdo gratuito e rico em informações é muito importante no relacionamento com o público. Afinal, desenvolve confiança, fortalece a marca, contribui para classificação em motores de busca e mantém seu público informado.

O conteúdo compartilhado aumenta ainda o contato com a audiência, visto que pode ser distribuído por toda internet. Com o marketing de conteúdo para e-commerce é possível atrair e converter visitantes em consumidores, torná-los clientes e compradores, fidelizando essa relação. 

Qual a importância do marketing de conteúdo para e-commerce?

Marketing de conteúdo para e-commerce

De acordo com levantamento realizado no Brasil, o ano de 2020 foi considerado o grande ano do e-commerce no país, batendo o faturamento de R$41,92 milhões de reais. Impulsionado pela pandemia do Novo Coronavírus, o setor teve crescimento de 47%, a maior alta em mais de 20 anos.

Entretanto, ainda que com bons resultados, as lojas com comércio eletrônico devem ter atenção ao comportamento do consumidor. Afinal, o usuário que navega pelo site nem sempre tem como intenção realizar uma compra. 

Dessa forma, o marketing de conteúdo para e-commerce é um elemento fundamental para qualquer estratégia. A ferramenta vem se mostrando cada vez mais essencial na fidelização dos clientes, afirmando que seu papel vai além da divulgação do produto ou educação do consumidor. Veja em alguns exemplos, a importância do marketing de conteúdo para e-commerce por suas possibilidades.

Conhecer a persona

Para atingir o público-alvo e aumentar as vendas, é preciso conhecer a fundo os interesses do cliente. Isso é possível por meio da criação de uma persona com o marketing de conteúdo para e-commerce. 

Trata-se de uma definição específica do cliente ideal, com seus hábitos e necessidades. Ao definir o perfil desse consumidor, a empresa poderá melhorar aspectos como a estratégia de marketing digital, escolha de produtos para estoque, design do e-commerce, e mais.

Descrever os produtos

A descrição de produtos é algo de extrema importância para a loja virtual. Essa deve ser a primeira estratégia abordada em relação ao marketing de conteúdo para e-commerce. Ao realizar a pesquisa de preços o cliente é objetivo, digitando somente o nome do produto e sua marca.

Contudo, no site de busca as primeiras lojas a aparecer serão aquelas que colocam em prática o SEO (Search Engine Optimization), ou seja, técnicas para otimização de buscas, investindo em palavras-chave na descrição do produto e também nas imagens.

Desenvolver blogs

A criação de um blog é uma das principais estratégias do marketing digital para e-commerce para alcançar bons resultados. Assim como a descrição dos produtos e serviços, o conteúdo do blog pode ajudar na otimização da busca, desde que seja relevante, melhorando o posicionamento do e-commerce e trazendo mais acessos. 

Essa é uma excelente forma de estreitar relacionamento com o consumidor e, ao mesmo tempo, divulgar seus produtos e serviços. No entanto, para que isso aconteça de forma efetiva, os conteúdos devem ser desenvolvidos baseando-se na persona. Assim, é possível que ele vá de encontro com a busca do cliente.

banner 5 artigos

Receber reviews

Um fator que pode influenciar a decisão de compra do consumidor é a opinião de terceiros. Além da qualidade, marca e preço, fatores de extrema importância, a opinião de outra pessoa pode fazer grande diferença.

Ao pesquisar um produto ou serviço, o cliente poderá encontrar diversas ofertas com valores e marcas variadas e, muitas vezes essas informações não são suficientes para a decisão da compra.

Contudo, ao acessar e-commerces que tenham comentários positivos, as chances de realizar a compra aumentam consideravelmente. Apesar de não se tratar de um conteúdo produzido pela empresa, é ela quem vai decidir como os reviews serão disponibilizados no site. O marketing de conteúdo para e-commerce oferece alternativas como a criação de páginas específicas para reviews, ou mesmo contratar uma plataforma de comentários. 

Ainda que nem sempre os comentários sejam positivos, preocupação compreensível em relação às empresas, é importante não censurá-los. Afinal, o cliente pode se sentir ainda mais ofendido e reclamar em outros meios de comunicação, como redes sociais, por exemplo.

Recebendo reviews a loja pode ter a oportunidade de solucionar problemas e melhorar seus serviços. Considerando que todas as empresas podem cometer erros, a disponibilidade para resolvê-los será um grande diferencial da marca.

Otimizar imagens 

Ao realizar a busca pelo produto ou serviço, o consumidor tem grande preferência por conteúdos que apresentam imagens. Junto a descrição, as fotos ou vídeos auxiliam nas vendas das lojas, visto que é por meio delas que o cliente terá contato com o conteúdo.

Por esse motivo, é fundamental que as imagens estejam otimizadas para aparecer como destaque nas buscas, resultado que também pode ser alcançado com técnicas de SEO, como:

  • Salvar o arquivo de foto ou vídeo com o nome e marca do produto;
  • Utilizar a tag alt text ao descrever a imagem.

Além disso, é preciso ter a produção de imagens de boa qualidade, que permita ao consumidor verificar o produto ou serviço, de diferentes ângulos, como se pudesse vê-lo pessoalmente.

Otimizar vídeos

Segundo pesquisa divulgada pela Cisco, os vídeos são responsáveis por 85% do tráfego da internet no Brasil. Dados como esse mostram o crescimento desse formato que também é abordado pelo marketing de conteúdo para e-commerce.

Por exigir menor esforço cognitivo, muitos preferem assistir vídeos para obter informações sobre certo assunto. O mesmo acontece no momento de decisão de uma compra. A produção de vídeos que detalham o funcionamento de algum produto ou serviço, assim como suas principais características e dicas de uso é algo muito consumido pelo cliente.

Gravar conteúdos que aproximem a marca dos consumidores é uma estratégia muito interessante, e pode ser feita de diferentes formas, como:

  • Apresentando opinião de colaboradores do e-commerce sobre os melhores produtos da loja, do ponto de vista de especialistas no assunto;
  • Usar estratégias de storytelling em vídeos, contando a história de algum consumidor da loja com o qual o case possa levar identificação para a persona;
  • Mostrar novidades do estoque, reuniões com parceiros, equipe e outros momentos que podem ser vistos nos bastidores do e-commerce.

O conteúdo de vídeo tem o grande poder de engajar o cliente de forma rápida e precisa, atraindo-o para vendas e levando o mesmo a se tornar um próprio defensor da marca, por isso, é muito importante considerá-lo.

Gerenciar as perguntas mais frequentes

De nada adianta investir em um grande estoque, design inovador e divulgação dos produtos e serviços se a empresa não oferecer respostas para as principais dúvidas dos clientes no site. 

O marketing de conteúdo para e-commerce auxilia a empresa levando segurança para o cliente ao esclarecer as perguntas mais frequentes, ou FAQ (Frequently Asked Questions, em inglês), e otimizando o tempo do SAC da empresa.

As lojas virtuais recebem diversos contatos por e-mail, redes sociais e outros canais de contato e, grande parte deles poderiam ser respondidos por meio de uma FAQ. O importante é que o conteúdo produzido para responder essas perguntas seja simples, claro, objetivo e com linguagem leve, sempre de acordo com a necessidade da persona da empresa.

A leitura deve ser informativa e ainda assim simples, chamando a atenção do consumidor para que ele possa buscar suas principais dúvidas ali. Uma boa estratégia é utilizar vídeos, imagens e infográficos para as informações mais detalhadas como prazos de entrega, garantia, acompanhamento do pedido e procedimento de troca.

Mantenha seu e-commerce otimizado

Mantenha seu e-commerce otimizado

O marketing de conteúdo para e-commerce auxilia a manter sua loja virtual sempre atualizada em relação à SEO, levando seu conteúdo ao alcance das personas desejadas. Por meio dessa estratégia a empresa poderá impactar o cliente em diferentes momentos da jornada de compra, agregando maior valor à marca e ajudando com as vendas online. Afinal, quanto mais conteúdo de qualidade produzido, mais autoridade a marca terá na internet.

Sendo a qualidade do conteúdo o fator mais importante para o posicionamento do site nas ferramentas de busca, a produção e otimização também em e-commerce é essencial para que a loja tenha um bom ranqueamento. 

O buscador apresenta algoritmos avançados com inteligência artificial, logo, é possível fazer a identificação sobre a originalidade do texto, e se o mesmo possui relevância para a pessoa que busca por determinado assunto.

Além do conteúdo, as ferramentas de busca consideram a estrutura do e-commerce para encontrar as páginas que considera com maior relevância para seus visitantes. Analisando a relevância do conteúdo, as ferramentas de busca classificam as páginas por importâncias, considerando fatores desde a criação da loja virtual, assim como se a mesma é preparada para SEO. Dessa forma, executar as otimizações exigidas pela ferramenta para o ranqueamento será mais simples. Confira os principais pontos que devem ser usados para a otimização.

URL da página

A URL do seu e-commerce deve ser amigável, por isso, evite muitos números e letras. É muito importante que a palavra-chave principal do conteúdo esteja inserida. Por exemplo: a palavra-chave é sapato infantil, dessa forma, a URL deverá ser:

https://nomedosite.com.br/sapato-infantil

Título e meta-description

Todas as páginas do e-commerce devem ter um título e uma meta-description contendo a palavra-chave principal pela qual a empresa deverá ser encontrada. O título é um dos principais fatores considerados pelas ferramentas de busca ao exibir os resultados, dessa forma, eles devem conter palavras que transmitam a intenção de compra.

Assim, segundo o marketing de conteúdo para e-commerce, se a loja possui categorias como, por exemplo, roupas infantis, títulos como — Compre roupas infantis — devem estar presentes, utilizando a palavra-chave para melhorar o posicionamento da página na busca.

Responsividade

O e-commerce além de ter uma boa apresentação deve estar disponível para todos os tipos de dispositivos, sejam eles computadores, notebooks, tablets, smartphones ou outros. As ferramentas de busca analisam esse fator no momento de realizar a classificação das páginas.

Velocidade

Além de responsivo, a loja virtual deve ter respostas rápidas, com carregamento preciso de informações. A maior parte dos usuários acaba abandonando o site caso ele demore muito tempo para carregar. Por isso, é importante que a velocidade de resposta seja veloz.

Estrutura de informação

As páginas do e-commerce devem se comunicar. Portanto, elabore categorias e subcategorias em que um conteúdo pode levar o usuário até outro. Dessa forma, é possível deixar a loja sempre acessível, com poucos cliques para chegar onde se espera.

Veja o seguinte exemplo: em uma loja virtual de roupas para bebês a cliente está buscando por um body de inverno. As categorias devem ser separadas pensando sempre em quantos cliques a persona deverá ter até encontrar o produto buscado, sendo:

  • 1 clique na home da loja virtual;
  • 1 clique na categoria bodys;
  • 1 clique na categoria bodys de inverno.

Design

De acordo com o marketing de conteúdo para e-commerce, o design do site também tem grande influência na otimização das buscas. Quando as páginas são agradáveis para a navegação dos usuários, eles certamente vão passar mais tempo no site. Além disso, um design apurado influencia nas vendas do e-commerce.

Links internos

Os links internos, ou seja, links do seu próprio site dentro de conteúdos da página, devem ser sempre utilizados. Seu uso deve estar relacionado a algo que se está oferecendo, levando algo a mais para o cliente. Essa é uma excelente maneira de permitir que o consumidor conheça um pouco mais sobre seus produtos ou serviços.

Palavras-chave

Por fim, e talvez mais importante, o uso das palavras-chave é uma das principais estratégias do marketing de conteúdo para e-commerce. Otimizar a loja virtual com palavras que são frequentemente buscadas pelas personas é uma grande vantagem, como vimos anteriormente. Por isso, buscar as formas com que os clientes costumam procurar pelo conteúdo oferecido em seu e-commerce e adicionar essas palavras aos conteúdos é uma maneira orgânica de se posicionar melhor nos mecanismos de busca.

O marketing de conteúdo para e-commerce é muito importante não só para os lojistas que encontram desafios em vender pela internet. Também é uma forma de vencer a concorrência, conquistando a confiança do cliente de forma a oferecer informações relevantes que possam contribuir para sua jornada de compra em algum momento.

Ficou interessado em adquirir marketing de conteúdo para e-commerce e melhorar sua empresa com novas estratégias? Então, entre em contato pelo nosso WhatsApp e venha bater um papo com a gente!

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Assine nossa newsletter e receba nosso conteúdo em seu e-mail: